Fábrica do Papel

Fábrica do Papel

A Fábrica do Papel foi fundada em 1803 e ficou na história como a fábrica mais antiga da freguesia. Após o inicio de atividade, as operações foram suspensas devido ao processo das invasões francesas, tendo mudado do negócio do papel para a vertente da produção de têxtil no final do século XIX. O negócio não foi próspero e a falência e posterior venda surge em 1900. O industrial António Francisco Ribeiro Ferreira insistiu nos vinte anos seguintes na valia da empresa enquanto produtor de lanifícios, mas o negócio volta a não resultar.

Nos anos 20 e 30 do século XX, a fábrica divide-se em duas vertentes de negócio. No edifício principal e mais antigo, constituiu-se a Moagem Hidráulica de Alenquer. Já na parte mais recente e adaptada ao negócio do papel, surge a Fábrica de Cartão e Papel de Ota que abriu falência na viragem do século XXI. Atualmente, a fábrica já não se encontra em funcionamento.



  • Morada:Rua Serpa Pinto, Alenquer

© 2020 União das Freguesias de Alenquer. Todos os direitos reservados | Termos e Condições

  • GESAutarquia